segunda-feira, 26 de abril de 2021

Orando Por Missões !


 Neste último domingo (25/04) no templo da Igreja Batista Shalom em Codó realizou-se o culto de missões. Onde todos na oportunidade Oraram por Missões.

Israel voltará a receber turistas que estiverem vacinados em maio

 

Israel voltará a receber turistas estrangeiros que estiverem vacinados, por meio de um plano em etapas, a partir do dia 23 de maio deste ano, segundo comunicado do Ministério de Saúde do país, divulgado nesta terça-feira (13).

Na primeira fase do plano de retomada do turismo, será permitido um número limitado de turistas. De acordo com o Ministério da Saúde de Israel, o número permitido aumentará conforme a “situação de saúde e andamento do programa”.

Todos os turistas deverão realizar o teste de PCR antes de embarcar nos voos para Israel. E ao chegarem no Aeroporto Internacional Ben-Gurion, precisarão fazer um teste sorológico, para comprovar que foram vacinados.

“Nesse ínterim, continuarão as discussões com vários países para chegar a acordos de validação do certificado de vacina, de forma a cancelar a necessidade de testes sorológicos”, afirmou o Ministério do Turismo de Israel. O plano mais detalhado será lançado nos próximos dias.

O plano de reabertura do turismo na nação foi feito numa parceria entre os Ministérios da Saúde e do Turismo.

O Ministro da Saúde, Yuli Edelstein, afirmou que a abertura aos turistas será realizada de forma cuidadosa e cautelosa: “A abertura ao turismo é importante para um dos campos mais atingidos durante a pandemia da Covid-19. Continuaremos procurando flexibilizar as regulamentações de acordo com a situação de saúde”, disse.

Já o Ministério do Turismo de Israel, Orit Farkash-Hacohen, lembrou que o retorno do turismo beneficiará a retomada da economia israelense: “Abrir os céus para o turismo internacional irá realmente reviver a indústria do turismo, incluindo restaurantes, hotéis, locais, guias turísticos, ônibus e outros que procuram trabalhar e sustentar suas famílias. Vou continuar a trabalhar para a abertura total do turismo a Israel, o que ajudará muito a economia israelense e criará trabalho para muitos israelenses”.

quinta-feira, 22 de abril de 2021

Mensagem do Bispo!


 NINGUÉM É UM CASO PERDIDO

“Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam” (Salmo 23: 4)
01 - Dr. Smiley Blanton, disse, certa vez, a um colega:
02 - “Sou psiquiatra há quase quarenta anos e se há algo que, nesses anos, ficou claro para mim é: ‘
03 - ‘Há enormes áreas não prejudicadas em cada vida humana’. E prosseguiu:
04 - ‘Se tão somente pudessem ser descobertas e se tão somente a pessoa pudesse crer nelas e sobre elas construir’! 05 - NINGUÉM É UM CASO PERDIDO’!
06 - Sabemos um pouco sobre a complexidade do ser humano, sua capacidade de amar, ajudar, construir, ser solidário.
07 - E que, também, é inerente ao ser humano odiar, perseguir e tudo fazer para destruir este ou aquele dentro do contexto do ódio, da “raiz de amargura”.
08 - É preciso lembrar sempre que não há fracasso verdadeiro; há esperança!
Ps.: O “de repente de Deus” pode acontecer! Cf.: Atos 16:26a; Isaías 43:13.
—————
Agnaldo L. Sacramento – Momento de Fé

Israel celebra 73 anos de independência com a maior população desde a sua fundação


 Nesta quarta-feira (14), Israel comemorou os seus 73 anos de independência. Dois dias antes, dos judeus celebrarem o Dia da Independência, a população na nação chegou aos 9.3700 milhões de habitantes, de acordo com o Escritório Central de Israel (CBS, na sigla em hebraico).

Deste número, 6,9 milhões são judeus, representando 73,9% da população; 1,96 milhões são árabes e 467 mil são pessoas de outros grupos.

Desde o Dia da Independência do ano passado, 167 mil bebês nasceram em Israel, 50 mil morreram e 16.300 mil imigraram para o estado israelense, segundo dados do CBS.

Quando o estado de Israel foi criado, em 1948, a população do país era de 806 mil pessoas. Desde então, 3,3 milhões imigraram para a nação.

Em 1948, apenas 6% da população global judaica de 11,5 milhões vivia em Israel. Em 2019, a estatística era de que 46% dos judeus passaram a viver no estado israelense.

A previsão do Escritório Central de Estatísticas é que quando Israel completar 100 anos de existência, em 2048, sua população terá cerca de 15,2 milhões de pessoas.

Israel tem uma população jovem, 28,1% são jovens, com idades entre 0 e 14 anos, e somente 12% dos habitantes tem 65 anos ou mais, conforme o CBS.

Jurista americano diz que liberdade religiosa está em risco na pandemia: “A cultura mudou”


 O acadêmico jurídico Ken Starr, conhecido como advogado independente que investigou o ex-presidente Bill Clinton, na década de 1990, escreveu um livro alertando sobre a forma como a liberdade religiosa tem sido atacada em tempos de pandemia.

Em seu livro mais recente “Liberdade religiosa em crise: Exercitando sua fé em uma era de incertezas”, ele examina a história da jurisprudência sobre liberdade religiosa nos Estados Unidos e antecipa as possíveis ameaças futuras à Primeira Emenda.

quarta-feira, 21 de abril de 2021

Mensagem do Bispo!

 EM DEUS HÁ SAÍDA

“Portanto, ó senhores, tende bom ânimo; porque eu creio em Deus que há de acontecer assim como a mim me foi dito” (Atos 27:25)
01 - É muito lindo o texto de Romanos 5:5 – “E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado”.
02 - Devemos, sempre, alimentar a chama da esperança, manter bom ânimo, numa expectativa otimista de fé!
03 - Como se sabe, ninguém é um caso perdido e nem mesmo o fracasso é o final de tudo.
04 - Os cultivadores de negativismos ou impossibilidades poderão dizer:
“Estou acabado, derrotado”, “sou um fracasso total”, “estou num beco sem saída” e declarações similares.
05 - Pessoas que assim se expressam criam enormes gigantes para si mesmas não enxergando nenhuma luz após o túnel escuro, não visualizando possibilidades, mas em Deus há saída!
—————
Agnaldo L. Sacramento – Momento de Fé

Helena Tannure: “Proteja a família, cuide dos filhos e priorize o lar”

 

Numa postagem recente, em seu canal no YouTube, a pastora Helena Tannure faz uma reflexão sobre como uma ligação “forte, singular e profunda” entre pais e filhos, pode se tornar um campo de batalha. 

Ela começa falando sobre sobre o propósito de Deus para a família e sobre a construção dos relacionamentos, desde Adão e Eva até os dias de hoje. “Será que as famílias de antigamente enfrentavam desafios? É claro que sim, mas de Gênesis a Apocalipse, Deus demonstra seu amor, seu poder, misericórdia e redenção”, citou.

A queda, no início da história da humanidade, reflete até o presente século, mas devemos lutar por um final feliz, segundo a pastora. “Quebre o paradigma! E saia desse ciclo que promete liberdade, mas na verdade escraviza”, alertou.

Como quebrar o paradigma?

Protegendo a família, cuidando dos filhos e priorizando o lar. “A família é a primeira instituição divina e tem sido a mais atacada. Precisamos voltar ao plano original de Deus e fazer do lar o nosso refúgio, um oásis na sequidão desse tempo”, disse.

Para manter uma família é necessário que o lar seja um lugar de amor e respeito, afeto e ensino, de acordo com a teóloga. “Cada um tem o seu papel designado nessa construção, mas no cenário atual vemos pais omissos que invertem prioridades, colocando trabalho, dinheiro e interesses pessoais acima da família”, apontou.

Por outro lado, ela também lembra que os filhos estão desobedientes e rebeldes, desafiando a autoridade de pai e mãe. “Estamos vendo a completa inversão de valores estabelecidos pelo próprio Deus. O que é certo ficou ultrapassado e, o que é errado, tem sido tolerado sem resistência”, sublinhou.

A triste realidade de uma sociedade adoentada é fruto do distanciamento do plano de Deus, segundo Tannure. “É nossa responsabilidade discipular nossos filhos e investir tempo na vida deles, conversando e orando em família. No relacionamento genuíno com Deus, muito além da religião, nossas relações serão curadas e reestruturadas Nele [Jesus], onde encontramos o prumo para edificarmos a família”, conclui.

“Ele fará com que os corações dos pais se voltem para seus filhos, e os corações dos filhos para seus pais.” (Malaquias 4.6)

terça-feira, 20 de abril de 2021

Pastores se reúnem com Bolsonaro para orar e falar “sobre a Igreja e o Brasil”

 

O presidente Jair Bolsonaro recebeu na tarde de segunda-feira (19) diversos pastores e líderes da nova geração, que se reuniram no Palácio do Planalto para orar e conversar sobre o Brasil e a Igreja.

O encontro foi marcado pelo pastor Fábio Sousa, da Igreja Fonte da Vida, que é ex-deputado federal, e contou com a presença de 19 pastores e líderes.

Entre eles, estavam Arthur Pereira, César Bianco, David Augusto Fernandes de Sousa, David Miranda Neto, Eduardo Nunes, Fred Arrais, Guilherme Rebustini, Leandro Barreto, Luca Martini, Michel Piragine, Nelson Júnior, Pastor Lipão, Gilberto Araújo, Gustavo Paiva, Norberto Neto, Silas Malafaia Filho, Paulo Sousa de França Júnior, Pedro Paulo Rosa e Samuel Cavalcanti.

Além do presidente da República, também estiveram presentes os ministros Luiz Eduardo Ramos, Chefe da Casa Civil; Fábio Faria, das Comunicações; Damares Alves, da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos; Onyx Lorenzoni, da Secretaria-Geral da Presidência da República e André Mendonça, advogado-geral da União.

Mais cedo, Jair Bolsonaro havia tido um encontro com o pastor Silas Malafaia, representando o Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos do Brasil (CIMEB).


De acordo com o pastor Lipão, fundador da Igreja Onda Dura, durante cerca de 2 horas, os líderes cristãos conversaram com Bolsonaro e seus ministros “sobre a igreja e o Brasil, em uma conversa super agradável e humana”. Em relato no Instagram, ele disse ainda que “no fim, oramos juntos pelo Brasil no Palácio do Planalto”.

Ele também compartilhou sua mensagem ao presidente, que foi dividida por ele em três pontos:

1. SOBERANIA: Deus deu a autoridade que você tem;

2. HUMILDADE: Tenha temor no exercício dessa autoridade porque não é somente aos homens, mas também a Deus que você responderá por ela;

3. SUBMISSÃO: Deus dá e Deus tira conforme Lhe agradar, porque Ele é o verdadeiro Rei dos reis.

Em um momento de divisão política, Lipão ainda incentivou os cristãos a orar por todos os governantes, “desde os da esquerda, até os da direita”.

“Se eu apoio o Bolsonaro? Para mim, e para nós cristãos, não deveríamos rebaixar o cristianismo a partidos e candidatos políticos, nosso Reino é do alto. Como o Rev. André Mendonça falou hoje na nossa reunião: ‘A cadeira presidencial é temporária, mas a Igreja está aí há 2000 anos. O cristianismo está acima da política’”, relatou Lipão. 


O pastor de Santa Catarina ainda lembrou do texto de ‭‭1 Timóteo‬ ‭2:1-2‬, que diz: “Em primeiro lugar, recomendo que sejam feitas petições, orações, intercessões e ações de graça em favor de todos, em favor dos reis e de todos que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida pacífica e tranquila, caracterizada por devoção e dignidade.”

“Como cristãos fomos chamados para ser a favor da paz e a favor da nação. Não fomos chamados para fazer guerra, mas para orar confiando em um Deus que é sobre tudo e todos”, observa Lipão. “Não deveríamos ser rasteiros como as pessoas do mundo são, mas devemos ser como a corça que não se suja com a lama do mundo em discursos histéricos e idólatras.”

Ele também destacou que a esperança dos cristãos não deve estar “nas autoridades humanas, mas no Deus que concede autoridade a alguns homens de acordo com seus desígnios.”

“Ore pelo Brasil! Em quem você vai votar é um problema seu, orar pelos nossos governantes é um problema de todos os cristãos”, finalizou

Evidência de 3500 anos da Canaã bíblica é encontrada em Israel


 Uma escrita de 3500 anos, datada na época da Canaã bíblica, foi encontrada em Israel. O escrito é o mais antigo já descoberto e possibilitará uma compreensão maior sobre o desenvolvimento dos primeiros alfabetos, de acordo com um estudo publicado na revista Antiquity nesta quinta-feira (15).

A escrita, uma combinação de seis letras em duas linhas, estava em um fragmento de cerâmica, encontrado na região Shephelah, no centro-sul de Israel.

O artefato foi descoberto em 2018, durante as escavações do Instituto Arqueológico Austríaco em Tel Lachish.

A cidade de Tel Lachish, também chamada de Laquis, é um dos sítios arqueológicos mais importantes de Israel. A cidade é mencionada diversas vezes na Bíblia. Por exemplo, no livro de Josué há um relato de que Lachish foi destruída pelos israelenses, na conquista de Canaã.

Mais tarde, se tornou uma importante cidade israelita no Reino de Judá, até ser destruída pelos assírios no século 7 a.C.

Segundo o codiretor da escavação em Tel Lachish, Dr. Felix Höflmayer, a descoberta do escrito vai auxiliar a desvendar a lacuna entre as primeiras evidências de escrita alfabética, encontradas na região do Monte Sinai, e as evidências mais recentes de alfabetos semíticos.

“Sabemos que o alfabeto primitivo foi inventado no Sinai aproximadamente no século 19 a.C. Ele ressurgiu no sul do Levante (dias modernos de Israel, Palestina e Jordânia) muito mais tarde, apenas por volta dos séculos 12 e 13, mas não tínhamos pistas sobre o que aconteceu entre esses dois períodos”, explicou o Dr. Felix.

Com mais de 8 mil templos, igrejas cresceram 325% em Manaus nos últimos anos


 Manaus apresentou um crescimento de 325% no número de igrejas nos últimos vinte anos. De acordo com a Ordem dos Ministros Evangélicos do Amazonas (Omeam), a capital amazonense já conta com 8,5 mil igrejas evangélicas.

Quanto ao número de membros, o último levantamento feito em 2010, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostrou que houve um aumento de 21% (em 2000) para 31% (em 2010). Para o pastor Valdiberto Rocha, integrante do Omeam, esse número deve ser bem maior atualmente.

A pesquisa também mostrou que a população católica, que representava 70,8% (967.270 pessoas), caiu para 59,5% (640.785 pessoas). “Não é possível dizer o número exato de evangélicos porque existem muitas pessoas entrando e saindo da Igreja e, além disso, estamos lidando com cerca de 3 mil igrejas evangélicas independentes que surgiram nos últimos anos”, disse Rocha.

Refúgios da sociedade
A igreja com maior número de membros entre os evangélicos é a pentecostal Assembleia de Deus (IEADAM), com atualmente cerca de mil igrejas em toda a cidade. “Somos cerca de 300 mil fiéis em todo o estado. Em Manaus somos cerca de 200 mil. Temos 1150 congregações em Manaus e uma média de crescimento de 15 mil fiéis nos últimos anos”, contou o pastor Moisés Melo, primeiro vice-presidente da IEADAM.

Conforme o Em Tempo, há ruas que possuem várias igrejas, de diferentes denominações. Na rua Tupiniquim, que fica na comunidade Florestal, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus, por exemplo, há um total de oito diferentes templos religiosos evangélicos.

Para a socióloga Liliane Oliveira, a grande quantidade de igrejas próximas e presentes nos diversos bairros de Manaus ocorre porque os templos se tornaram “refúgios” da sociedade. “A diversidade de igrejas pode ser respondida por esse caminho, mas há outra explicação que aponta que devido às mazelas sociais serem tão intensas na realidade brasileira, a igreja torna-se o refúgio das massas”, explicou.

Má formação de lideranças
Por outro lado, o teólogo e pastor Carlos Rogério, supõe que para existir tantas igrejas diferentes em Manaus, o motivo pode ser a má formação de lideranças. “Hoje existem muitas pequenas igrejas que vão saindo das grandes”, esclareceu seu ponto de vista.

Ele explica que muitas igrejas de pequeno porte, em Manaus, saíram das Assembleias de Deus e que o motivo é que algumas pessoas não se submetem a seus líderes. Com isso, vão se abrindo portas que, muitas vezes, apresentam ideologias contraditórias”, explica o estudioso.

“Igrejas transmitem paz e segurança”
Segundo os moradores manauenses, ouvidos pelo EM TEMPO, a quantidade de igrejas em uma mesma região “transmite paz”. É desta forma que pensa Elson José, que possui um comércio há muitos anos na rua Tupiniquim. Ele conta que o índice de criminalidade diminuiu na região.
“Eu sinto que com isso até inibiu os roubos. Essa rua tem seus problemas com isso, mas a presença das igrejas ajuda bastante”, apontou o comerciante. A dona de casa Márcia Barros, que mora há muitos anos nessa rua, concorda com ele. “Há muitos evangélicos aqui”, conta ela.
A socióloga explica que essa diferença sentida pelos moradores não se dá pela simples presença da igreja no local, mas por tudo o que a igreja faz na região, atuando no âmbito da ação social.

Número de igrejas diminui na pandemia
Com a polêmica que envolveu o fechamento dos templos durante a pandemia, a Omeam registrou o fechamento de cerca de 500 igrejas em toda a capital. Porém, a Omeam acredita que as igrejas não se extinguiram por conta disso.
“Muitas igrejas evangélicas em Manaus funcionam em lugares alugados. Com a pandemia, algumas congregações informaram que diminuíram o número de ofertas”, explica Valdiberto Rocha. Ele esclarece que “as igrejas não fecharam, mas apenas o prédio onde funcionavam, por causa da impossibilidade no pagamento dos aluguéis.

sexta-feira, 16 de abril de 2021

Codó 125 anos

Parabéns a cidade de Codó pelos seus 125 anos. Terra de gente acolhedor, abençoada por Deus. Desejamos tempo de paz e prosperidade sobre a cidade e seu povo. Dedicai-vos à busca da prosperidade da cidade, para onde vos deportei, e orai a Yahweh em favor dela; porque o progresso dela será a vossa prosperidade.

(Jeremias 29:7)

 Ig. Batista Shalom em Codó.

Pr. David Sousa.
 

segunda-feira, 12 de abril de 2021


 

Torres do Congresso Nacional são iluminadas com a frase: “Holocausto nunca mais”

 

Nesta quarta-feira (7), às 19h, as torres do Congresso Nacional, em Brasília, foram iluminadas com a frase “Holocausto nunca mais”. A projeção é uma homenagem da Associação Israelita no Brasil à memória aos judeus mortos pelos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial.

A ação acontece pelo segundo ano no Congresso, pela passagem do Dia do Holocausto e do Heroísmo, lembrado em todo o mundo.


quarta-feira, 7 de abril de 2021

Moeda do Segundo Templo é encontrada no local do antigo palácio de Herodes

 

No meio do maior projeto de restauração em andamento em Israel, arqueólogos descobriram uma moeda de Tiro, que acredita-se ter sido usada para pagar o imposto do Templo durante a Páscoa, Pentecostes ou Tabernáculos.

A antiga moeda foi encontrada dentro de uma caixa de artefatos escavados originalmente nos anos 1980, quando foi realizado o último projeto de restauração do local. A caixa foi perdida e descoberta apenas recentemente, durante a reforma em andamento no Museu Torre de Davi, na Cidade Velha de Jerusalém.

A caixa incluía a rara moeda de prata, chamada de “siclo de Tiro”, usada durante o período do Segundo Templo e produzida na antiga cidade de Tiro, onde siclos tírios foram cunhados de 125 a.C. até a eclosão da Grande Revolta em 66 d.C.

Os siclos tírios são frequentemente mencionados em relatos históricos do período do segundo templo, mas muito poucos foram realmente encontrados.

Dentro do complexo da Torre de Davi, onde a descoberta foi feita, também está localizado o antigo palácio de Herodes, onde muitos teólogos e historiadores acreditam que o julgamento de Jesus aconteceu. 

A restauração está sendo realizada na torre mais alta do complexo, chamada Torre Phasael. Uma grande rachadura que vai de cima para baixo está ameaçando toda a integridade estrutural da torre, levando a equipe de conservação a acelerar seus esforços para restaurar as pedras danificadas de 2.000 anos.


“A Torre de Davi é uma das estruturas mais importantes de Israel, tanto em termos de história quanto de localização”, disse Yotam Carmel, gerente de conservação da Ken HaTor, a empresa encarregada do projeto. “O último projeto de conservação da Torre de Davi foi realizado na década de 1980. Desde então, a cidadela precisa desesperadamente de conservação.”

Eilat Lieber, diretora e curadora-chefe do Museu Torre de Davi, destacou a importância do projeto de conservação para as gerações futuras.

“Neste período de férias, somos gratos por esta oportunidade única de preservar fisicamente as paredes e torres deste antigo local que existia na época do Segundo Templo há milhares de anos, ajudando a preservar e conservar o local para que continue sendo um farol em Jerusalém para as gerações futuras”, disse Lieber.

O Museu Torre de Davi, localizado na entrada do Portão de Jaffa para a Cidade Velha, permanecerá aberto ao público durante todo o ano, de acordo com as orientações do Ministério da Saúde de Israel.

A moeda descoberta recentemente será exposta no museu em 2021, em uma nova e permanente exposição.

segunda-feira, 5 de abril de 2021

Rapaz se ajoelha para orar enquanto homem ameaça cometer suicídio

 

A imagem de um homem ajoelhado em oração, enquanto uma pessoa ameaçava cometer suicídio, emocionou milhares de pessoas no fim de semana.

A tentativa de suicídio aconteceu no sábado (3) e foi registrada pelo fotógrafo e cinegrafista João Carlos Frigério, em um viaduto próximo ao Terminal Rodoviário de Londrina, no Paraná.

“Gerenciamento de crise. Enquanto bombeiros conversam com CEC, rapaz de joelhos reza para que o homem consiga sair bem dessa situação”, descreveu Frigério em seu perfil no Instagram.

De acordo com o fotógrafo, a oração do rapaz foi respondida e a vida do homem foi poupada. “Depois de 6 horas, o homem que estava armado com uma faca ameaçando tirar a própria vida acabou desistindo e foi resgatado pelos bombeiros”, disse Frigério.

A foto viralizou nas redes sociais depois que o humorista Jonathan Nemer compartilhou a imagem no domingo (4) no Instagram. “Como descrever essa imagem? De um lado, um homem sem esperança querendo dar fim à sua dor... De outro, um homem sentindo a dor do próximo e intercedendo junto ao Pai”, comentou.

“Para a glória de Deus, o homem não pulou”, continuou Nemer. “Que esse homem seja abençoado em nome de Jesus. Que o Espírito Santo venha consolá-lo e que a Igreja de Londrina venha amá-lo e servi-lo.”

“Quanto a nós, que possamos aprender com esse homem de joelhos. Que possamos sentir a dor do próximo. Que possamos lembrar que existe um socorro do alto. Que possamos viver crendo na esperança que se chama Jesus. Quantos de nós não pegaríamos o celular pra registrar? Ele preferiu ajoelhar e orar. Coisa linda”, finalizou o humorista.

MENSAGEM BISPO AGNALDO SACRAMENTO

 


O PODER RESTAURADOR DO

PERDÃO

- Agnaldo L. Sacramento –

 

Texto Bíblico Básico:

I João 4:7-12

7 - Amados, amemo-nos uns aos outros; porque o amor é de Deus; e qualquer que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.

8 - Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor.

9 - Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por ele vivamos.

10 - Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados.

11 - Amados, se Deus assim nos amou, também nós devemos amar uns aos outros.

12 - Ninguém jamais viu a Deus; se nos amamos uns aos outros, Deus está em nós, e em nós é perfeito o seu amor.

Mateus 5:43-46

43 - Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo.

44 - Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus;

45 - Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.

46 - Pois, se amardes os que vos amam, que galardão tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo?

 

INTRODUÇÃO

O contexto geral do perdão envolve, principalmente, os discípulos de Jesus, pois o perdão é parte essencial do discipulado: “Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros” (João 13:35).

Quem não libera perdão mantém: mágoa, ressentimento, amargura, etc. Quem não libera perdão mantém uma ferida emocional muito difícil de ser curada, pois não há remédio na farmácia para isso.

A ordem, o imperativo é este: “Assim como Deus perdoou vocês em Cristo fazei vós também” (Efésios 4:32).

 

01. PERDÃO

O perdão é um grande remédio contra a dolorosa dor emocional.

O vocábulo ‘PERDÃO’. Do grego, ἄφεσις (AFESIS): perdão, libertação, liberar, (“soltar”) deixar ir, remissão de pecados (Mateus 26:28).

02. ATITUDE PESSOAL

GHANDI disse: “Os fracos jamais podem perdoar, pois o perdão é um atributo dos fortes”.

O perdão como atitude pessoal, envolve a vontade, uma decisão firme, para o exercício do perdão.

03. EXEMPLOS PRÁTICOS

A Psicologia do perdão na declaração de Jesus em Lucas 6:37b – “SOLTAI, E SOLTAR-VOS-ÃO” (Liberai, e sereis liberados!). Ao liberar perdão, a pessoa se solta a si mesma e solta a pessoa que lhe prendia pela mágoa, ressentimento, falta de perdão.

04. ELE É FIEL

O desafio de perdoar a si mesmo e o texto de I João 1:9 – “Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda a injustiça”.

05. LIBERAR PERDÃO:

A falta de perdão leva a pessoa a cultivar e a viver “emoções tóxicas” ou lixos emocionais – são os diversos males da falta de não liberar perdão: mágoa, ira, ódio, ressentimentos, tristeza, raiz de amargura, vingança.

06. OS BENEFÍCIOS DO PERDÃO

(70 vezes 7 = MATEUS 18:21-22 ):

a) Colabora com a Saúde Mental,

b) A saúde Emocional,

c) A saúde Espiritual,

d) A saúde Física.

07. ESPÍRITO VENCEDOR

Certo Psiquiatra escreveu sobre os sobreviventes dos Campos de Concentração Nazista – Constatou um que “manteve o brilho nos seus olhos, corpo ereto e energia interminável” e, nas mesmas condições dos demais, ali viveu por seis anos. Procurava estabelecer a harmonia entre seus pares e era um exemplo de espírito vencedor.

08. AMAR A TODOS:

Os outros pensavam que ele (nos campos nazistas) nada sofrera em relação aos seus familiares, mas ficaram surpresos quando relatou certo dia: “Estávamos num Gueto, os soldados alemães chegaram e pegaram a minha família; de início, mataram a minha esposa, minhas duas filhas e três filhinhos; roguei que me matassem, mas não o fizeram (pelo fato de falar a língua alemã). Pegaram-me como tradutor, pois eu falava fluentemente, não só o alemão, mas, também inglês, francês, polonês e russo. Trabalhava, diariamente, 15, 16 horas. Diante da situação, decidi não odiar, mas amar a todos sem distinção e esse foi o seu segredo de sair vencedor.”

09. EFÉSIOS 4:31-32

“Longe de vós, toda amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmias, e bem assim toda malícia. Antes, sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus, em Cristo vos perdoou”.

10. O LEMBRETE DO SALMO 103:12

“Assim como está longe o oriente do ocidente, assim afasta de nós as nossas transgressões”. A bênção de Provérbios 28:13 – “O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia.”

11. RON LEE DAVIS

No seu livro “Perdão Incondicional”, diz: “Se houver uma pessoa a quem você evita outorgar perdão e reconciliação, então fique sabendo que está impedindo o Espírito Santo de trabalhar na sua vida e de infundir poder na sua Igreja e comunidade. Essa responsabilidade é sua: você não pode evitá-la”.

 

CONCLUSÃO:

Todos os nossos órgãos,

nossos sentidos,

exercem muitas funções

Mas... o coração não:

Ele foi feito para amar.

Na tristeza ou na dor

ou mesmo na alegria,

Há um coração que foi feito para amar.

Não sufoque a força do amor que há em você.

Deus lhe fez com um coração que só é feliz...

se amar.